MPC investiga irregularidades na gestão de Jairo Ribeiro em Iracema

Uma diligência realizada nesta quarta-feira (7) pela equipe técnica do Ministério Público de Contas de Roraima (MPC), liderada pelo procurador Paulo Sérgio Sousa, esteve em Iracema para checar possíveis irregularidades nas contas públicas do município administrado pelo prefeito Jairo Ribeiro (MDB).

Conforme informações do MPC, o Procedimento Investigatório Preliminar (PIP) foi instaurado a partir de denúncia anônima onde constam acusações de pagamento de fornecedores sem notas de empenho e desvio de finalidade na transferência de recursos de convênios federais destinados à saúde e educação.

Os fiscais do MPC também detectaram a realização de contratação emergencial em detrimento de processo licitatório, com a finalidade de favorecimento de empresas ligadas a vereadores daquele município.

O procurador Paulo Sérgio de Sousa disse que todas as denúncias serão apuradas e tomadas as providências cabíveis. “Estamos realizando este trabalho em todos os municípios nos quais recebemos denúncias e, todas serão apuradas de acordo com a lei”, afirmou.

De acordo com o procurador, os documentos recolhidos serão muito bem analisados e as providências serão tomadas, caso sejam apuradas como verdadeiras as denúncias iniciais.

O Roraisul tentou entrar em contato com o prefeito Jairo Ribeiro para apuração dos fatos, mas nossas ligações foram redirecionadas à caixa postal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *